"Eles não queriam que filho de empregada virasse doutor", diz Lula a receber título em Sergipe - Jornal Potiguar

Últimas

terça-feira, 22 de agosto de 2017

"Eles não queriam que filho de empregada virasse doutor", diz Lula a receber título em Sergipe

Resultado de imagem para Lula

Após ter tido a entrega do título de doutor Honoris Causa pela Universidade Federal do Reconcavo Baiano proibida pela justiça, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebeu nesta segunda-feira (21) seu 29º título entregue pela Universidade Federal de Sergipe.

Em seu discurso, Lula disse que a elite nunca quis que o pobre tivesse acesso à universidade pública - e que um de seus maiores feitos foi a democratização do acesso ao ensino superior. 

"Teve muito filho de rico que reclamou do programa que criamos para expandir as universidades, diziam que ia diminuir a qualidade de ensino. Isso porque, para a elite, lugar de pobre não é na universidade. Negar acesso da maioria ao ensino de qualidade sempre foi um projeto da elite retrógrada brasileira. Eles não queriam que filho de empregada virasse doutor, e hoje temos aqui vários filhos de empregadas e pedreiros virando médico, engenheiro", disse Lula.

O ex-presidente falou também sobre os números de vagas criadas nas universidades públicas. Segundo ele, o ensino superior no governo do PT avançou muito, mas ainda é pouco.

"Como vocês sabem, até 2002, eram 3,5 milhões para 8 milhões entre 2013 e 2004, e ainda é pouco, e motivo de ter vergonha", ressaltou.

Mesmo assim, segundo ele, o país avançou bastante porque todas as raças e classes socias tiveram acesso à universidade.

"Antes, a universidade só tinha gente loira  de olhos verdes. Era raro encontrar um negro. Percebi isso quando procurei um ministro para o STF e foi difícil achar alguém com qualificação à altura para entrar", afirmou.

Com informações UOL
Fonte: Mossoró Hoje

Nenhum comentário:

Postar um comentário