Vítima de câncer Mama, jornalista deixa presentes por mais 18 anos para que filho se lembre dela - Jornal Potiguar

Últimas

quinta-feira, 6 de setembro de 2018

Vítima de câncer Mama, jornalista deixa presentes por mais 18 anos para que filho se lembre dela


Ela sabia que não veria o filho crescer, por isso quis deixar a “impressão do seu amor” por ele para sempre. A jornalista da BBC Rachael Bland, que morreu nesta quarta-feira, 5, aos 40 anos vítima de um câncer de mama, programou para que o pequeno Freddie, de apenas 3 anos, receba até os 21 anos presentes que o ajudem a se lembrar de quem ela foi, além de um livro de memórias com conselhos de mãe para filho.
A apresentadora morreu três dias depois de anunciar que sua médica lhe havia dado alguns dias de vida. Conhecida por seu podcast sobre a doença (You, Me and Big C), ela foi diagnosticada com câncer de mama em 2016. Menos de dois anos depois, após quimioterapia e mastectomia, Rachael recebeu a notícia de que o câncer havia se espalhado.
Ao saber que teria poucos dias de vida, a jornalista galesa se despediu do público nas redes sociais e contou que estava “correndo contra o tempo” para finalizar um arquivo para o filho. “Nas palavras do lendário Frank Sinatra, temo que a hora chegou. E repentinamente”, tuitou a locutora, na segunda-feira.
Os presentes deixados são objetos pessoais, como um bloco com anotações, para que ele conheça sua letra, um vidro de perfume que ele a ajudou comprar, para que se lembre de como era seu cheiro, além de sua “importantíssima caixa de lembranças de recém-nascido”.
“Espero que o livro, esses presentes e anotações deixem uma marca do meu amor para o resto de sua vida. E, então, ele possa ter certeza de quanto eu o amo”, escreveu a jornalista em artigo publicado pelo Huffington Post.
Ao confirmar a morte, Steve, marido de Rachael, prestou homenagem à mulher, agradecendo as mensagens recebidas: “Nossa linda e corajosa Rachael morreu em paz nesta manhã, cercada pela família. Ficamos arrasados, mas ela gostaria que eu agradecesse a todos que se interessaram por sua história ou enviaram mensagens de apoio. Você nunca saberá o quanto essas mensagens significaram para ela. Steve e Freddie”, escreveu.

Fonte: ESTADÃO CONTEÚDO


Nenhum comentário:

Postar um comentário