Expectativa de venda do comércio informal no MCJ é confirmada em estudo - Jornal Potiguar

Últimas

sexta-feira, 17 de maio de 2019

Expectativa de venda do comércio informal no MCJ é confirmada em estudo


Os secretários de Planejamento e Tributação do Município, Aldo Fernandes e Abraão Padilha, se reuniram com estudantes do curso de Administração e Contábeis da Universidade Potiguar (UNP), e com o professor do curso de Finanças e Economia, Josivan Alves, para discutir o estudo do retorno econômico do Mossoró Cidade Junina. O estudo ainda está em fase inicial, mas já dá para perceber o quanto o evento fomenta a economia mossoroense.
“Acompanhamos os ambulantes na Estação das Artes e entrevistamos quase 200 comerciantes. Estipulamos, por exemplo, um número X de vendas sobre o ano passado, e na entrevista percebemos que o retorno é quatro vezes maior do que imaginávamos no estudo. A expectativa para esse ano é melhor ainda”, destacou o professor Josivan Alves.
A estudante de administração, Rafaela Alves, falou de como está sendo desenvolvida a pesquisa até aqui. “Nesse primeiro momento a gente abordou os comerciantes e fizemos um questionário. Está sendo feita toda uma pesquisa para termos o resultado do estudo”, declarou.
ENCONTRO – O secretário de Planejamento do município, Aldo Fernandes, destacou a importância da reunião da tarde de hoje, no que diz respeito à troca de ideias para desenvolver o estudo.
“Esse encontro de hoje faz parte do nosso organograma de trabalho. Os alunos com o professor foram coletar dados e pegar informações mais específicas. Essa troca de ideias vai gerar no estudo alternativas para que a gente possa ir aperfeiçoando ainda mais essa relação. Em todas as nossas reuniões fica claro que o MCJ já é uma alternativa de empregabilidade”, frisou.
No total são 30 alunos que estão fazendo parte do estudo. A perspectiva é que assim que termine o Mossoró Cidade Junina o resultado do estudo seja apresentado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário