Três alas com menos de 20 anos chegam ao time dracenense. "São promissores, e calma nesse processo de amadurecimento é indispensável", diz Flavinho Cavalcante

Como parte do planejamento para o futuro, o Dracena contratou três jovens considerados revelações do futsal do Rio Grande do Norte. São eles: Wigenes, Landelino Neto e Felipe, todos alas.

Landelino Neto tem 19 anos e passou por times do estado natal e pelo Figueira, da Série Prata do Rio Grande do Sul. A mesma idade e currículo parecido possui Wigenes. Felipe é o mais novo do trio. Aos 18 anos, o jogador estava em Santa Catarina.


Wigenes nasceu em Pau dos Ferros e passou por times do RN e do RS — Foto: Dracena Futsal / Divulgação

– São atletas muito novos e que já jogam no adulto. Eles passarão por algumas etapas, treinar em dois turnos é uma delas. O Felipe é um ala de força, enquanto o Wigenes é canhoto e habilidoso, e o Landelino atua de ala e pivô. São jogadores promissores, e calma nesse processo de amadurecimento para a equipe adulta é indispensável – disse o técnico Flavinho Cavalcante.

Os atletas estão integrados ao elenco do Dracena e à disposição da comissão técnica. Neste sábado (11), às 14h, a equipe enfrenta o Barão, em Ribeirão Preto, pela sétima rodada da Liga Paulista.

Natural de Patu, Landelino é outro com passagens pelo futsal potiguar e gaúcho — Foto: Dracena Futsal / Divulgação

Natural de Patu, Landelino é outro com passagens pelo futsal potiguar e gaúcho — Foto: Dracena Futsal / Divulgação

Nascido em Messias Targino, Felipe estava na equipe de Capinzal (SC) — Foto: Dracena Futsal / Divulgação

Nascido em Messias Targino, Felipe estava na equipe de Capinzal (SC) — Foto: Dracena Futsal / Divulgação

Fonte: ge.globo.com

Post a Comment

Facebook

header ads
header ads
header ads