Foto: Reprodução

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, pediu que os homens que fazem sexo com homens diminuam o número de parceiros sexuais e reconsiderem relações com novos parceiros para reduzir a transmissão da varíola dos macacos.

“A melhor maneira de fazer isso (interromper a transmissão) é reduzir o risco de exposição. Isso significa fazer escolhas seguras para você e para os outros”, disse Tedros durante coletiva de imprensa nesta quarta-feira (27/7).

O conselheiro da OMS em programas sobre o HIV, Andy Seale, afirmou que a varíola dos macacos já é considerada uma doença sexualmente transmissível, mas ainda não está classificada formalmente como tal. “No caso da varíola dos macacos, não podemos simplesmente recomendar o uso da camisinha porque envolve o contato de pele com a ferida também. Por isso estamos recomendando redução do contato próximo”, informou Seale.

Metrópoles

Post a Comment

Facebook

header ads