Assim que a reunião da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) for encerrada, e se for confirmada a aprovação da vacina Coronavac, a imunização será imediatamente iniciada em São Paulo, confirmou ao Valor uma fonte do governo João Doria (PSDB).

A ideia é que um profissional da saúde seja vacinado na sede do Hospital das Clínicas, na capital paulista, com a presença de Doria.

Valor Econômico

Post a Comment

Facebook

header ads