O ex-secretário de Desenvolvimento Econômico do RN, Jaime Calado, deu uma pausa na agenda da pré-campanha a deputado federal, para uma viagem ao Vaticano, onde participou de audiência com o Papa Francisco, na última quinta-feira (2). O convite partiu do Dom Rubival Britto para o acompanhar no despacho com o santo padre, no Palácio Apostólico, integrando um grupo de 12 bispos do Nordeste.

“Por estar se recuperando de um tratamento na perna e, portanto, utilizando cadeira de rodas, o contato com o Papa foi diferente do formato de 2015. Mesmo assim, tive a honra de cumprimentá-lo e ser cumprimentado, individualmente, e demonstrar toda minha admiração”, explicou Jaime que também acompanhou a audiência geral, ocorrida na quarta-feira, 1º de junho, na Praça de São Pedro.

Calado ainda o presenteou com uma peça do Galo Branco de Dona Neném, símbolo do folclore do Rio Grande do Norte, por intermédio do monsenhor Flávio Medeiros, cônego efetivo da Basílica de São Pedro (Vaticano), potiguar da cidade de Acari. “Presenteei o nosso líder religioso com um artesanato que tem a nossa digital, é símbolo da nossa cultura. Também entreguei uma carta traduzida para o espanhol, seu idioma de origem”.

Quando esteve no Vaticano, em 2015, e passou em mãos uma medalha ao Papa Francisco, Jaime Calado ainda ocupava o cargo de prefeito de São Gonçalo do Amarante/RN e, agora, não conseguiu disfarçar a emoção em reviver esse momento, especialmente, ao relatar as preocupações do chefe da Igreja Católica. “No mundo atual, há uma verdadeira tendência de descartar as pessoas, principalmente, os idosos, os doentes, os mais pobres, como se fossem objetos sem uso. E essa é uma grande preocupação dele, assim como a guerra entre a Rússia e a Ucrânia. E ele com toda diplomacia católica está fazendo um grande trabalho para tentar reconquistar a paz. O temor é a guerra se prolongar e trazer mais sofrimento às pessoas. Ao final, o santo padre nos entregou um terço e pediu orações pela sua saúde”.

Dr. Jaime reforçou a simpatia do Papa Francisco, que os recepcionou com muito bom humor. “Eu estou muito feliz, satisfeito com esse convite e por ter sido tão bem recebido no Vaticano, em todos os lugares que estive, foi uma benção, realmente, e eu voltei muito mais animado com a vida, gratificado com tudo que Deus tem me proporcionado, e mais disposto a ajudar mais as outras pessoas”, finalizou.

Post a Comment

Facebook

header ads