Uma família natural da cidade de São Miguel, no interior do Rio Grande do Norte, está fazendo uma campanha de financiamento coletivo para o tratamento de um câncer agressivo que foi diagnosticado na filha Letícia Maria Neves (@lelemarianeves) de apenas 12 anos de idade.

O tratamento em questão é chamado de Cart T Cell e tem o custo total de cerca de R$ 2,5 milhões, sendo feito em parte nos Estados Unidos. Dessa forma, a campanha foi aberta para tentar arrecadar esse valor para custear o tratamento, já que a família não tem condições financeiras de bancá-lo.

A campanha está sendo feita pela internet, onde qualquer pessoa pode ajudar financeiramente através da Vaquinha Virtual ou doando qualquer valor pela chave PIX: 85 997487807 (Telefone). 

A realização do procedimento é tida como urgente pela família. De acordo com a irmã Luana Neves, Letícia realizou oito ciclos de quimioterapia, mas o tumor não tem regredido. “Ela fica períodos no hospital e períodos em casa. Esse é o período mais crítico dela”, explicou a irmã.

Diagnóstico

Letícia recebeu no início deste ano o diagnóstico de Linfoma de Burkitt após uma série de exames feitos desde o ano passado. Com residência fixa em São Miguel/RN, a família passou a morar em Fortaleza/CE, mas tem passado os últimos meses em Curitiba/PR por conta do tratamento da doença.

Além da ajuda financeira para o tratamento, a irmã reforça o pedido de orações por Letícia. “Para que Lelê consiga ficar bem até o tratamento se completar”, diz.

Com informações do Grupo Cidadão 190 e Blog Clístenes Carlos – Notícias do cotidiano e utilidade pública.


Post a Comment

Facebook

header ads